Como fazer geleia de vinho

Se ao pensar em geleia sempre lhe vem à cabeça aquela iguaria inocente feita a base de frutas, então, volte duas casas… muita gente não sabe, mas podemos encontrar diferentes tipos de geleias, para todos os gostos, das mais docinhas, passando pelas agridoces até à exóticas ou apimentadas…

Não é para menos que as geleias possuem muitos admiradores, pois elas podem, realmente surpreender aos mais exigentes dos paladares.

E assim é com a geleia de vinho! Impossível não se apaixonar, principalmente, os amantes de vinho!

Seja no café da manhã ou no lanche da tarde, ou simplesmente para beliscar com queijos e torradinhas… os  apaixonados pela bebida vão se surpreender  com essa receita.

E sabe o que é melhor? É bem fácil de preparar!  Então, papel e caneta nas mãos, anote essa deliciosa receita de geleia de vinho!

Benefícios do vinho

Antes de passarmos à receita, propriamente dita, como sempre acontece por aqui, vamos falar um pouco sobre os benefícios do vinho.

Pesquisas comprovam que o consumo moderado de vinho tinto, duas taças por dia, pode reduzir, em até 20%, o risco de doenças cardíacas.

Instituições médicas, como a Sociedade Brasileira de Hipertensão, a American Heart Association  e a European Society of Cardiology reconhecem esses dados como verdadeiros.

Na verdade, os muitos benefícios do vinho tinto podem ser explicados pelo fato dele ser extremamente rico em polifenóis, substâncias presentes na casca da uva, que aumentam os níveis de colesterol bom, o HDL, e diminuem os níveis de colesterol ruim, o LDL.

E não é só isso, os polifenóis também inibem a formação de placas de gordura no sangue e de trombos, responsáveis por infartos e AVCs (Acidente Vascular Cerebral).

E os benefícios não param por aí, o consumo moderado da bebida também ajuda a diminuir a pressão arterial, a reduzir a inflamação e a oxidação de lipídios, e aumentar a capacidade de dilatação dos vasos sanguíneos.

Escolhendo o vinho

Bem, agora que já sabemos que, além de delicioso, o vinho também tem muitos benefícios, antes ainda de começarmos a preparar a receita, é preciso saber qual o vinho será usado, não é mesmo? E a resposta é: o vinho de sua preferência!

Pois é, não existe um tipo certo, é preciso considerar que a geleia terá o sabor do vinho que optar, por isso, claro, a dica é apostar no vinho que agrade o seu paladar.

Uma dica, antes de se decidir, é considerar os acompanhamentos que serão servidos com a geleia, e baseado nisso, fazer a escolha do vinho.

Vale destacar que, geralmente, a geleia de vinho é servida para acompanhar queijos brancos, assim como, torradas e bolos, que harmonizam muito bem com um bom vinho tinto seco.

Receita de geleia de vinho

Ingredientes

  • 750 ml de vinho tinto seco
  • 1 xícara (de chá) de açúcar
  • 1 colher (de chá) de suco de limão
  • ½ colher (de café) de manteiga sem sal

Modo de preparo

  1. Derrame o vinho em uma panela antiaderente, leve-a ao fogo médio, deixe cozinhar por cerca de 25 minutos, até reduzir um pouco e levantar fervura.
  2. Depois, acrescente a manteiga, o suco de limão e o açúcar, mexendo bem, por mais 5 minutos (tal como acontece quando fazemos brigadeiro, quando a mistura desgrudar do fundo da panela, já pode desligar o fogo).
  3. Quando desligar o fogo, irá perceber que a mistura ainda não tem aquela textura tradicional de uma geleia, não se preocupe (depois que esfriar ficará na textura certa).
  4. Depois que desligar o fogo, transfira a geleia para um pote de vidro e leve à geladeira.
  5. E atenção, para que atinja a textura certa e temperatura ideal, será preciso deixar na geladeira por, pelo menos, 4 horas.

Obs: a manteiga nessa receita costuma provocar estranhamento em algumas pessoas mas, na verdade, seu uso é apenas para dar brilho e cor à geleia, deixando-a com uma aparência mais interessante, e no mais, a manteiga não deixa gosto nenhum, por isso, não se preocupe.

Quer conferir o passo a passo dessa receita de geleia de vinho tinto? Então, aperte o play!

Geleia de uva roxa com vinho tinto

 Ingredientes:

  • 1 Caixa de uva roxa sem sementes 500 gr.;
  • 240 gr. de açúcar cristal;
  • 300 ml. de vinho tinto seco.

Quer conferir o passo a passo dessa receita de geleia de uva roxa com vinho tinto? Então, aperte o play!

Geleia de Vinho branco

Ingredientes

  • 250 ml de Vinho branco (ou espumante)
  • 250 gr de Uvas verdes fatiadas (sem caroço)
  • 200 gr Açúcar cristal
  • 50 ml Vinagre de maçã
  • 3 gr Pectina liofilizada

Quer conferir o passo a passo dessa receita de geleia de vinho branco? Então, aperte o play!

Dicas de acompanhamento

 

Pronto, agora você tem diferentes opções de geleias de vinho para escolher a que melhor combina com você, ou mesmo, surpreender seus amigos com todas essas receitas.

Agora, que tal definir quais serão seus acompanhamentos?

Então, vale lembrar que a geleia, se for de vinho tinto, vai harmonizar muito bem com queijos brancos, em especial o queijo brie e o camembert.

Caso queira servir a geleia de vinho em um café da tarde, e não junto de aperitivos, então, a dica é combiná-la com torradinhas ou um bolo, que ficam uma delícia!

Já, vinhos branco, ou espumante, combina muito bem com bolo, chocolate e até panetone…hummm!

E vale a dica, independente do tipo de vinho que escolher, evite usar um vinho de baixa qualidade, já que ele não vai apenas para a panela, você irá consumi-lo.

Quanto ao teor alcoólico das geleias de vinho, na verdade, essa sempre foi uma dúvida, será que por ir ao fogo o álcool não evapora. Segundo uma pesquisa realizada pelo Departamento de Agricultura dos Estados Unidos, na década de 1990, após um período de fervura, o teor alcoólico no vinho, que era de mais ou menos 14%, passa a ser de apenas 4%.

E é isso, agora é aproveitar essas receitas incríveis e se deliciar, não esquecendo de escolher sempre um vinho de boa qualidade.

Você ama Geleia?

Receba os melhores conteúdos sobre geleia diretamente em seu e-mail.

Você ama Geleia?

Receba os melhores conteúdos sobre geleia diretamente em seu e-mail.

Últimos Posts