Descubra Aqui o Segredo da Geleia Caseira – Receita Fácil e as Melhores Dicas

geleia caseira - clube da geleia

Para quem adora sentir o verdadeiro sabor da fruta, sem adição de conservantes e ingredientes que deixem a sua receita com um sabor artificial, você está no lugar certo. Não tem nada melhor para começar o dia do que saborear uma deliciosa geleia caseira, sentindo todo o sabor da fruta adoçando a sua manhã.

No post de hoje, vamos aprender tudo sobre a geleia, os 3 principais ingredientes que você precisa para preparar, e muitas dicas bem interessantes, para você aprender tudo sobre geleia.

E, no final, ensinamos uma deliciosa receita super fácil e prática. Então, continue lendo e aprenda tudo sobre geleia…

Do Que é Feita a Geleia

A geleia é produzida a partir da extração do suco das frutas, ou com a fruta em pedaços. Em seguida, o suco é cozido junto com açúcar e com pectina, que pode tanto ser comercial quanto a natural, da própria fruta. Os ingredientes devem ser cozidos até engrossarem e chegarem à consistência de geleia, que é firme, porém, espalhada. Ou seja, não fica dura, como se fosse uma bala. Mas também não fica líquida demais.

Para preparar as geleias, geralmente, usa-se as frutas inteiras, com suas casas e sementes. Salvo algumas exceções, como a goiaba, por exemplo, que precisa ter as sementes retiradas, pois elas são muito duras, e podem atrapalhar a degustação da geleia. Algumas das frutas mais usadas são morango, uva, amora e framboesa.

A geleia caseira possui um sabor único, bem diferente do sabor das geleias que a gente compra em supermercados.

Os 3 Principais Ingredientes Para Fazer Geleia

O preparo da geleia é muito simples. E só leva somente 3 ingredientes básicos. São eles: fruta, açúcar a pectina.

  • Frutas: para quem não tem o costume de fazer geleia, é importante saber que as melhores frutas são aquelas que possuem muita pectina, e bastante acidez também. Por exemplo: maçãs azedas, uvas de concórdia, limão, cranberry, morango, amora e groselha. Elas possuem bastante pectina, o que confere à geleia um gel perfeito e suave.
  • Açúcar: a função do açúcar é trabalhar em conjunto com a fruta e com a pectina e proporcionar a textura em gel que toda geleia possui. Mas é preciso usar na medida certa. Pouco açúcar pode dificultar a geleia de chegar ao ponto certo. E o açúcar em excesso pode deixar a geleia muito dura. O melhor açúcar para preparar geleia é o cristal, pois ele dissolve no tempo ideal.
  • Pectina: se tem um ingrediente fundamental na hora de preparar geleia, é a pectina. É ela quem irá criar o efeito de gel da geleia. As frutas já possuem pectina em sua composição. No entanto, em algumas a concentração é bem pequena. Nesse caso, você pode usar a pectina comercial, que é vendido em líquido ou em pó. E adicionar também suco de limão à geleia durante o preparo.

Utensílios Necessários Para Fazer Geleia

Apesar de ser algo simples de preparar, a geleia requer alguns utensílios básicos, que tornam o trabalho mais fácil e também ajudam a armazenar o produto da forma correta. Confira abaixo:

  • Uma panela grande e de paredes grossas: uma panela mais grossa impede que o calor queime as frutas e os demais ingredientes, pois ele é distribuído de uma maneira mais uniforme. E a mistura precisa ficar cozinhando por um período bem longo, até chegar ao ponto ideal de uma geleia.

Além do mais, uma panela grande contribui para a evaporação. O segredo para preparar geleia é ir reduzindo a água presente nas frutas por meio do cozimento. Quando a geleia estiver pronta, você notará que o volume total dos ingredientes reduziu pela metade.

  • Frascos de vidro com tampa:esses recipientes devem estar esterilizados, pois é onde serão armazenadas as geleias após o preparo. O produto deve ser colocado no frasco ainda quente, e bem fechado com a tampa, pois isso impede que ele crie mofo.
  • Colher de pau ou uma espátula à prova de calor: ao contrário do que acontece com o metal, os utensílios à prova de calor usados na cozinha tendem a não esquentar muito rápido quando são submetidos a temperaturas elevadas, e também não apresentam nenhuma reação química em contato com os alimentos ácidos.
  • Saco de geleia:esse item não é totalmente obrigatório. Ele serve para facilitar o trabalho de coar as frutas para extrair o suco. Caso não tenha, não tem problema. Você pode usar uma peneira fina.

Quais as Melhores Frutas Para Fazer Geleia?

Quanto maior o teor de acidez da fruta, maior será a sua concentração de pectina natural. Por isso, dentre as frutas favoritas para fazer geleia, estão:

  • Maçã
  • Morango
  • Uva
  • Goiaba
  • Pêssego
  • Jabuticaba
  • Ameixa
  • Figo
  • Damasco

Padrão de Geleia – Quais as Diferenças Entre Jam Jelly?

Todas as geleias parecem ser iguais. Mas o fato é que há uma diferença entre elas. Existem, basicamente, dois tipos de geleias: Jam e Jelly. Abaixo, vamos descrever as principais características de cada uma e quando devem ser usadas.

  • Jam: geralmente, a geleia Jam apresenta um aspecto mais rústico, pois é feita com a fruta inteira ou cortada em pedaços. É feita com pouco açúcar e cozida mais rapidamente. Depois de pronta, a fruta usada se destaca na calda e a sua consistência fica bem mais grossa. É uma geleia mais espessa. O seu sabor é mais natural, e não se parece tanto com o sabor de um doce. É ideal para ser usada em recheios de biscoitos, tortas e de bolos, pois é mais consistente.
  • Jelly:essa geleia apresenta o aspecto mais líquido do que a Jam. E uma tonalidade mais translúcida também. No seu preparo, normalmente são usados o suco coado da fruta, mais açúcar e algum ácido. Essa geleia fica ótima em molhos, ou para comer com torradas, pães, e etc. Não deve ser usada como recheio de bolo, pois derrete rapidamente.

Geleia Sem Pectina – É Possível Fazer?

A pectina é o elemento principal para dar consistência que a gelatina precisa, pois é um produto geleificante.

Se você usar frutas com bastante pectina, como é o caso das frutas que citamos acima (maçãs, morangos, amora, ameixas, e etc.), é possível sim fazer sem a pectina comercial. Caso queira fazer uma geleia com menos açúcar, é preciso usar uma quantidade maior de pectina.

Dicas e Truques Importantes Para a Melhor Geleia Caseira

Seja qual for a receita que você irá preparar, por mais simples que pareça, ela tem algum segredo ou dica que faz toda a diferença no resultado final. Caso contrário, uma falha simples pode colocar toda a sua receita a perder.

Por isso, listamos abaixo algumas dicas muito importantes fazer uma geleia caseira perfeita. Confira!

Dica 1: escolha sempre frutas frescas para preparar a geleia. Evite o suco de fruta congelada. As frutas frescas conferem um sabor totalmente diferente à geleia. Na hora de escolher as frutas, procure sempre por aquelas que estão maduras, mas no ponto certo. Não devem estar passadas e nem verdes.

As frutas muito maduras têm pouca acidez, e também resultarão em geleias açucaradas em poucos dias. E as frutas muito verdes deixarão a geleia muito ácida. As frutas maduras demais ou muito verdes alteram tanto o sabor da geleia, quanto a sua durabilidade.

Sendo assim, acertar o ponto das frutas é o primeiro passo para fazer uma geleia perfeita. E aquelas da estação são sempre a melhor opção, pois o seu sabor é mais acentuado.

Dica 2: o armazenamento da geleia: esse ponto é fundamental para conservar a geleia e evitar o mofo. Assim que terminar de preparar a geleia, ela deve armazenada, ainda quente, em frascos de vidro com tampa e esterilizados.

Ao selar o frasco de vidro com a tampa, e a geleia ainda quente, o ar que estava congestionado acaba saindo. A tampa é sugada, fazendo com que fique totalmente vedado.

Além do mais, o açúcar também contribui, pois não servirá apenas para adoçar a geleia. Ela ajuda a conservar a cor e impedir o surgimento de mofo.

Dica 3: o melhor açúcar para fazer geleia: o açúcar cristal é o melhor para usar no preparo de geleias, pois ele leva mais tempo para se dissolver. Com isso, não deixe a geleia ficar muito açucarada quando esfriar. Caso resolva usar o açúcar refinado, a recomendação é usar o fogo muito baixo, para que o açúcar leve mais tempo para dissolver.

Dica 4: Suco de limão: esse ingrediente é mais do que recomendado, ainda que ele não seja mencionado na receita que você está usando, não tenha medo de acrescentá-lo. A quantidade indicada por cada quilo de fruta é de 50 ml do suco de limão. Ele vai atuar regulando o pH da mistura do açúcar com as frutas, fazendo com que a geleia adquira a consistência ideal.

Essas quatro dicas são indispensáveis para o preparo da geleia perfeita.

Deliciosas Combinações Para o Preparo de Geleia Caseira

Se você quiser deixar a sua geleia ainda mais saborosa, que tal combinar mais de uma fruta durante o preparo? Alguns sabores combinam muito bem, e o modo de fazer é o mesmo. A única diferença é que terá um ingrediente a mais. Confira abaixo algumas sugestões de sabores:

  • Geleia de figo e framboesa
  • Geleia de damasco e maracujá
  • Geleia de ameixa e damasco
  • Geleia de laranja e limão
  • Geleia de frutas vermelhas (com morango, framboesa, blueberry e amora)
  • Geleia de maracujá com manga
  • Geleia de abacaxi com pimenta
  • Geleia de laranja com goiaba
  • Geleia de laranja com nectarina
  • E muito mais…

Geleia Caseira de Fruta Combina Com o Quê

A geleia é tão boa, que pode ser usada em quase todos os preparos. É muito versátil. Ela combina com praticamente tudo. E, no café da manhã, é praticamente indispensável. É ótima pra comer com torrada, com o pãozinho francês, na panqueca, no recheio do bolo, enfim, o que não faltam são opções.

E, para quem gosta de misturar o sabor do doce com o salgado, saiba que dá pra usar a geleia em pratos salgados também. Inclusive, ela dá um toque todo especial, e deixa os pratos com um sabor muito marcante. Os molhos com geleias, por exemplo, ficam uma delícia com carnes.

Três Sugestões de Receitas

Confira abaixo três receitas bem práticas de geleias caseiras:

Receita 1: Geleia de Cranberry 

Ingredientes: 

  • 4 xícaras de suco de cranberry
  • 6 xícaras de açúcar
  • 4 colheres de sopa de pectina

Modo de preparo: 

Coloque os ingredientes em uma panela de paredes grossas, deixe ferver, sempre mexendo. Vá misturando até engrossar e chegar à consistência de geleia.

Receita 2: Geleia de Framboesa 

Ingredientes: 

  • 3 ½ xícaras de suco de framboesa
  • ½ xícara de suco de limão
  • 2 ½ xícaras de açúcar

Modo de preparo:

Coloque todos os ingredientes em uma panela de paredes grossas e leve ao fogo baixo. Depois de ferver, deixe cozinhar por mais 8 a 10 minutos, sempre mexendo. Nesse caso, não há necessidade de acrescentar a pectina, pois a framboesa já contém quantidade suficiente. Deixe cozinhar até ficar na consistência desejada.

Receita 3: Geleia de Pimenta Vermelha

Ingredientes:

  • 2 ½ xícaras de pimentão vermelho picados e sem sementes
  • 1 colher de sopa de manteiga sem sal
  • 2 colheres de chá de sementes de pimenta vermelha
  • 3 ¼ de xícara de açúcar
  • ½ colher de chá de sal
  • 1 xícara de vinagre de vinho branco
  • 3 colheres de pectina

Modo de preparo:

Deixe ferver até reduzir o volume. Mexa por cerca de 5 minutos, até amolecer. Adicione a pectina e continue misturando por mais 1 ou 2 minutos, até a mistura engrossar e ficar na consistência de geleia.

Receita 4: geleia de uva concord

Ingredientes:

  • 4 xícaras de uvas concord
  • 7 xícaras de açúcar
  • 1 pitada de sal
  • 1 colher de pectina em pó
  • 1 xícara de água

Modo de preparo:

Limpe bem as uvas e retire as hastes. Use somente as uvas boas, que não estejam podres, murchas e nem maduras demais. Use um garfo ou espremedor de batatas para amassar as uvas. Se tiver um processador de alimentos, você também pode pulsar as frutas, ao invés de amassá-las.

Coloque as uvas em uma panela de fundo e paredes grossas, adicione a água, ligue o fogo alto e deixe ferver. Quando levantar fervura, reduza para o fogo baixo e continue cozinhando por mais de 10 minutos.

Em seguida, retire a mistura do fogo e coe, para retirar o suco. Leve esse suco para a panela novamente e acrescente a pectina. Deixe a mistura ferver em fogo médio. Adicione o açúcar e o sal e continue mexendo. Vá retirando a espuma que se forma com a ajuda de uma escumadeira.

Quando a geleia alcançar a consistência desejada, retire do fogo e armazene, ainda quente, em frascos de vidro esterilizados. Deixe esfriar e guarde na geladeira.

OBS: caso esteja usando a pectina líquida, deixe para adicioná-la quando a geleia estiver quase pronta.

Você ama Geleia?

Receba os melhores conteúdos sobre geleia diretamente em seu e-mail.

Você ama Geleia?

Receba os melhores conteúdos sobre geleia diretamente em seu e-mail.

Últimos Posts