Qual a validade de geleia artesanal?

Que geleias são deliciosas e ótimas companhias para torradas, biscoitos, pães, bolos, sorvetes e, até mesmo, para alguns pratos salgados, como saladas, carnes, panquecas e queijo, disso ninguém duvida mais, o que muita gente ainda fica meio perdida é em relação à validade dessa delícia!

Pois é, embora seja encontrada, na maioria das vezes, na versão doce, as geleias também podem ser salgadas, ou mesmo, agridoces, já que podem ser feitas com diferentes ingredientes, como tomates, pimenta e ervas.

A validade não chega a ser uma preocupação para a maioria das pessoas que consomem geleia, isso porque, o mais comum é comprá-la pronta, vinda, portanto, com conservantes.

O fato é que é cada vez mais comum as pessoas quererem preparar seus próprios alimentos, garantindo um consumo mais saudável, livre de corantes, conservantes e outros aditivos químicos, fugindo das versões industrializadas.

E o melhor: é muito fácil fazer a própria geleia!

O problema de fazer a própria geleia acaba sendo a conservação, já que muitas pessoas não sabem a forma correta de armazená-las, e nem tampouco, a validade dessas geleias artesanais.

Mas não se preocupe, pois é exatamente isso que mostraremos aqui, como armazená-las da forma correta e garantir mais durabilidade.

Geleias caseiras

Fazer a própria geleia é muito fácil, não tem mistério algum. Mas, se é tão fácil porque as indústrias ganham dinheiro vendendo essa delícia? A resposta é simples, é porque fazer geleia caseira exige uma boa dose de paciência. Pois é, nesse mundo tão corrido, nem todo mundo tem paciência para ficar em frente ao fogão, muitas vezes, por horas.

E se a pandemia trouxe algo de bom, foi justamente, a descoberta da maravilha que é preparar o próprio alimento, no caso, a própria geleia.

Então, se por um lado algumas têm o preparo mais rápido, outras, dependendo da polpa utilizada, se forem mais líquidas, por exemplo, como laranja e tangerina, o seu preparo pode demorar algumas horas para chegar ao ponto ideal. Mas, demorando ou não, o resultado vale a pena.

Mais economia

Vamos combinar que as geleias compradas prontas, além de não serem tão gostosas como as caseiras, costumam ser bem mais caras.

Ou seja, geleias feitas em casa, ganham mais sabor e têm baixo custo.

É preciso dizer que, além de mais saborosas, mais econômicas, as geleias caseiras também são mais saudáveis, e isso porque dispensam os conservantes artificiais.

E mais, ao contrário do que muita gente pensa, a geleia caseira não estraga tão rápido: o açúcar (natural da fruta ou adicionado) é um conservante natural. Ou seja, se preparados e armazenados corretamente, as geleias feitas em casa têm validade de até dois meses.

Cuidados para garantir mais durabilidade

Alguns dos cuidados para que sua geleia caseira dure mais tempo:

  • na hora de servi-la, não introduzir talheres sujos;
  • não ficar tirando e voltando o vidro à geladeira toda hora (a variação de temperatura prejudica os ingredientes);
  • não deixar o pote destampado por muito tempo, evitando a proliferação de micro-organismos.
  • esterilizar corretamente o vidro em que será armazenada.

Quer saber como esterilizar o vidro corretamente para  armazenar sua geleia? Então, confira o vídeo abaixo.

Conservação e validade da geleia

É preciso entender que a conservação dos alimentos depende da composição de cada alimento em si, seu processamento (cozimento, desidratação, embalagem etc) e condições de armazenamento (refrigeração).

Ou seja, um mesmo produto, dependendo da forma que foi feita, poderá ter uma durabilidade diferente.

No caso dos doces, por exemplo, em calda mais fina (menos concentrada) terá uma durabilidade menor do que uma calda mais grossa, ou seja, tudo depende da matéria-prima, do processo e da higiene.

O ideal e o recomendado é a utilização de vidros para armazenar as geleias, com a durabilidade podendo chegar a 8 meses ou mais. Porém, após abertos, devem ser guardados sob refrigeração e consumidos em 15 dias.

É preciso entender que, ao contrário das geleias industrializadas, as geleias caseiras devem ser mantidas na geladeira, após serem abertas.

O fundamental mesmo é que, para protegê-las de bactérias e fungos, a geleia caseira deve ser armazenada em vidro esterilizado.

Esse armazenamento correto não apenas vai fazer com que a geleia caseira dure por muito mais tempo, como também garantir mais sabor.

Agora que já sabe como conservar e fazer sua geleia durar muito tempo, que tal colocar a mão na massa e fazer sua própria geleia de morango? Então, anote essa receita super fácil!

Geleia de morango caseira

Deliciosa, prática e muito fácil de fazer, esta geleia de morango combina com tudo, torradas, biscoitos, panquecas… e só o céu é o limite!

Ingredientes

  • 450 g de morangos
  • 1 xícara (chá) de açúcar
  • caldo de ½ limão

Modo de preparo

  • Lave bem os morangos sob água corrente, retire as folhas e transfira para uma tigela. Cubra com água e deixe de molho por 10 minutos.
  • Depois, retire os morangos, em vez de escorrer a água.
  • Numa panela média, coloque os morangos, o caldo de limão e o açúcar. Leve ao fogo baixo e deixe cozinhar por cerca de 30 minutos, mexendo de vez em quando, até formar uma calda grossa e os morangos ficarem bem macios (veja abaixo como saber se está no ponto certo).
  • Com uma concha, transfira a geleia (ainda quente) para um pote de vidro esterilizado (confira como esterilizar no vídeo acima).
  • Deixe cerca de 2 cm até a tampa, livre.
  • Feche o pote com a geleia ainda quente, para formar vácuo.

Ponto certo

Pectina é a substância responsável por dar consistência à geleia, ela é encontrada naturalmente nas próprias frutas (principalmente, nas cítricas), e liberada pouco a pouco durante o cozimento, encorpando a mistura e deixando na consistência de geleia.

Para saber o tempo ideal de cozimento, basta tirar uma colherada de geleia da panela e dispor sobre um prato limpo. Passe o dedo riscando a geleia ao meio, caso a mistura após separada unir-se novamente, é porque ainda não está no ponto.

Uma dica para dar aquele aspecto translúcido à geleia, é acrescentar uma colher de suco de limão enquanto o doce esta sendo apurado.

Conservação

Lembrando que poderá conservar a geleia pronta por até 2 meses, fechada a vácuo, em temperatura ambiente; por até 6 meses no congelador e após aberta por 15 dias, ou até 1 mês na geladeira.

Você ama Geleia?

Receba os melhores conteúdos sobre geleia diretamente em seu e-mail.

Você ama Geleia?

Receba os melhores conteúdos sobre geleia diretamente em seu e-mail.

Últimos Posts